Bienvenido, de Paulo Ramos

Com capa e ilustrações do Liniers, prefácio do Adão Iturrusgarai e muitos aperitivos de desenhistas geniais, o livro de Paulo Ramos sobre os quadrinhos argentinos merece toda a atenção (Bienvenido, Zarabatana Books, 2010). Não gostei do estilo do texto, e ainda menos do modo simplório como descreve Buenos Aires e a cultura argentina, mas adorei tanto os desenhos como as “historinhas reais” sobre os desenhistas que se assanham ali em meio a um monte de nomes e datas. Com certeza, além de resenhar a obra de monstros sagrados como Fontanarrosa e Quino, o livro apresenta ao público brasileiro muitos outros artistas – aliás, fiz uma lista de publicações a rastrear com avidez o mais cedo possível. O volume encerra-se com uma alucinante matéria sobre a esposa do grande Oesterheld, D. Elsa, que perdeu o marido e as quatro filhas durante o regime militar. Bueno, Paulo Ramos conhece o tema a fundo: jornalista e professor, doutor em Letras da USP, ele mantém, desde 2006, o excelente blog dos quadrinhos (http://blogdosquadrinhos.blog.uol.com.br/), que permite acompanhar, cabeça a cabeça, a produção brasileira e também algo da estrangeira. Pena que o site seja difícil de surfar, com página inicial muito pesada, mas sempre vale o esforço. P’ra quem gosta de HQ, Bienvenido já (DV).

Anúncios

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s